quinta-feira, 9 de abril de 2015

Ódio ou amor? - BEDA - 8º dia

Eu não consigo entender quem opta pelo preconceito e pelo ódio como horizonte de vida e passa os dias na internet procurando alguém para discutir, xingar e difamar. Não consigo compreender porque alguém entra numa torcida organizada e se junta a outros torcedores com a intenção de puxar briga com quem torce por um time rival sem nenhuma outra razão aparente. Não consigo sequer imaginar o que se passa na cabeça de quem se junta com “amigos” para espancar alguém por ser mendigo, prostituta, gay. São exemplos de violência gratuita e totalmente desnecessária, mas infelizmente tão comuns em nossos dias.

Eu, que optei desde muito cedo pelo amor, só posso imaginar que essas pessoas desconhecem-no completamente. Amar é tão mais simples e gostoso. Tem suas dificuldades, às vezes é preciso perdoar e pedir perdão, mas nada que se compare ao sacrifício de carregar o peso de tantas mágoas. E ainda tem a recompensa de ver a felicidade no rosto do outro, que quase sempre a gera em nosso interior também.

Que cada pessoa pratica o culto do ódio diariamente seja levada a abandoná-lo pelo do amor!!

E que assim seja!